Eliana Tomaz

Cidadela de Cascais | Exposição Colectiva [3 ] TRÊS.

Eliana TomazComment

Há uns anos atrás escrevi uma tese a propósito da minha licenciatura em Art, Design & Environment (UAL) onde explicava como é que as industrias creativas e culturais impulsionam a economia dum país. 

Já muito se faz por este mundo fora e das mais variadas formas: 

- directamente, como por exemplo na Holanda, disponibilizam edificios industriais abandonados a creativos e artistas;
- indirectamente, como por exemplo li ontem num artigo que Lisboa é uma das cidades de eleição para muitos trabalhadores destas industrias viverem e trabalharem.

Há muitas provas dadas que são estes profissionais que rejuvenescem bairros mais desfavorecidos, impulsionam economias locais, desenvolvem o comércio tradicional e em cidades como Londres e Nova Iorque, como é do conhecimento de todos nós. 

Estas tendências acabam por inspirar e inovar outros modelos de negócio mais convencionais, como aconteceu com o Grupo Pestana. Em 2012 foi inaugurado a Pousada de Cascais- Cidadela Historic Hotel & ART DISTRICT. No espaço histórico da Fortaleza de Nossa Senhora da Luz, existe agora a Pousada de Cascais e o inovador Art District, cujos pilares assentam nos Open Studios com artistas residentes a desenvolver trabalho e Galerias de Arte com exposições temporárias, workshops e outras actividades de lazer e criativas, tudo isto não só para os clientes da Pousada mas também para o público em geral.

Este sábado vai ser inaugurada mais uma Exposição Colectiva | [3 ] TRÊS.

Eu não vou perder, e tu? Aparece, tráz amigos e conta-me tudo.
Orgulha-te do bom e inovador que Portugal tem para nos dar.